Segunda-feira, 03.08.09

‘Eco-Atkins’: Dieta vegetal de baixos carboidratos emagrece e melhora o colesterol  



Uma pesquisa publicada no começo de junho revelou que pessoas que participaram de um estudo consumindo uma dieta de baixas calorias e pouco carboidrato, com alta concentração de proteínas vegetais durante um mês perderam peso e tiveram melhoras nos níveis de colesterol. Em algumas pessoas, a dieta resultou em perda de peso, porém, sem a diminuição dos riscos cardiovasculares. Os autores do estudo afirmam que ainda existe uma dúvida quanto à proporção e à fonte de gordura e carboidrato que permitem uma maior perda de peso e diminuição nos níveis de colesterol.

A dieta usada na pesquisa é semelhante à dieta de Atkins, muito famosa nos Estados Unidos, mas com uma diferença: enquanto a Atkins original permite a ingestão de gorduras e proteínas de origem animal, a Eco-Atkins é formulada de modo que a proteína ingerida seja completamente de origem vegetal.

Dieta das proteínas (dieta Atkins) é a melhor


Dietas recentes que lutam contra doenças cardiovasculares geralmente têm maior consumo de frutas e vegetais e baixo consumo de carnes. Mesmo assim, dietas com baixo consumo de carboidratos e maior consumo de carnes também já foram usadas para redução de peso e tratamento de diabetes e doença coronária. Essas dietas eram efetivas, mas aumentavam os níveis de LDL, o “mau” colesterol. “Essa falta de benefício quanto ao controle de LDL é uma desvantagem no uso desse tipo de dieta em quem já tem risco de doença coronária”, afirma o estudo.

A pesquisa, realizada por David Jenkins e sua equipe da Universidade de Toronto, no Canadá, analisou os efeitos de uma dieta de baixo carboidrato e alta em proteínas vegetais (como glúten, soja e óleos vegetais) em pessoas com níveis altos de LDL. Outro grupo participou da pesquisa consumindo uma dieta ovo-lacto vegetariana com alta concentração de carboidratos, laticínios com pouca gordura e produtos integrais.

Ao final do estudo, 22 pessoas em cada grupo tiveram perdas de peso parecidas – aproximadamente quatro quilos – mas as reduções nos níveis de LDL e melhora nos níveis de HDL, o “bom” colesterol, aconteceram na dieta de baixos níveis de carboidrato. Katherine Tuttle e Joan Milton, da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, afirmam que o artigo traz luz à discussão sobre táticas mais efetivas e saudáveis para a criação de dietas com altos níveis de proteínas para a perda de peso e redução de riscos cardiovasculares. “É prematuro recomendar a ‘Eco-Atkins’ sem confirmação da sua eficácia em estudos maiores, com mais indivíduos, que tenham características mais diversas”, afirmam. [Science Daily]
 

publicado por investweb às 16:33 | link do post | comentar | favorito
Pesquisa personalizada
arquivos
2009
últ. comentários
As proteinas são mt boas
Olá,Parece ser uma dieta interessante vou pesquisa...
Olá,Parece ser uma dieta interessante vou pesquisa...
Olá eu já experimentei a Dieta da usp tive bons re...
Olá eu já experimentei a Dieta da usp tive bons re...
E morre-se em quantos dias só comendo isto?
blogs SAPO